sexta-feira, 15 de maio de 2009

PISANDO LEVE

Levo num cesto
Equilibrado sobre a cabeça
Meus alegres sentimentos
Retratos de muitos ontens

E piso leve
Como quem dança
Sobre as pedras
Das praias
O limo
Nas serras
As folhas em verde manto
No silencioso chão da floresta

Estou sempre
Profundamente leve
Flutuando
Em doce encanto

Também carrego
Sobre o peito
Um colar de conchas
Coloridas
Achadas numa esquina
São tão lindas...

Conheço os esconderijos
Onde dormem e acordam
O sol
A lua

Os altos recantos
Das estrelas
Casas dos deuses
Moradas dos blues

O canto
Do pássaro
E seu milagroso
Ninho

Sob meu manto
Tecido em poeira
Piso leve
Como quem dança
Over the rainbow















oberto pelo meu manto
Tecido em poeira





Um comentário:

Sandra Timm™ disse...

Obrigada pela visita e pelas palavras gentis.

Aproveito e "anuncio" que estarei te visitando com frequencia, pois gostei do que li por aqui.

BEIJO